Dispepsia

Dispepsia é um um conjunto de sintomas que se manifesta na parte superior do abdômen, trazendo a sensação de dor/queimação, desconforto, dificuldade de digestão, gerando sensação de saciedade e é muitas vezes é recorrente, podendo ocorrer náuseas, eructação e distensão do abdômen superior.

A causa da dispepsia está relacionada a certos hábitos tais como o consumo excessivo de bebidas alcoólicas, ingestão de excesso de alimentos ricos em fibras, como alguns vegetais, pão integral e algumas frutas e verduras, consumo excessivo de cafeína, tabagismo.

Pode ser também pela presença de outras doenças digestivas, principalmente doenças relacionadas com o estômago e o duodeno (primeira porção do intestino), como úlcera péptica gástrica ou duodenal, que podem ocorrer pelo uso de medicamentos (como analgésicos e anti-inflamatórios), ou pela presença da bactéria Helicobacter pylori. A maior parte dos casos, no entanto, pode não estar relacionada a outras doenças, quando essa condição é chamada de dispepsia funcional.

Dicas de alimentação e hidratação

  • Ingerir refeições pouco volumosas, para evitar a sensação de empachamento e desconforto;
  • Preferir alimentos com temperos naturais como por exemplo: alho, salsa, louro;
  • Optar por laticínios desnatados, devido o teor de gordura;
  • Ingerir banana (estimula produção de muco protetor);
  • Consumir vegetais cozidos, devido ser mais fácil digestibilidade;
  • Ingerir no mínimo um litro e meio de água por dia.

Alimentos que devem ser evitados

  • Alimentos fritos e gordurosos (como bacon, salgados feito com massa podre, salgadinhos, batata frita);
  • Bebidas alcoólicas e fumo;
  • Carnes vermelhas e vísceras pois contem gordura e purinas, dificultando o esvaziamento gástrico.

Nutrício possui programas nutricionais específicos para controle da dispepsia. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil). Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.

Por Mônica Andrade – Estagiária da Nutrício