Rede Nutrício de Atendimento de Nutricionistas
Home » Matérias sobre nutrição » Retenção líquida

Retenção de Líquido: Saiba o que Fazer...

A retenção de líquido, ou retenção líquida ou hídrica, é um problema significativo e atualmente afeta diversas pessoas. Pode ser considerada uma grande vilã para mulheres, por que além de trazer prejuízos à saúde, eleva o ponteiro da balança para as alturas.

Alterações hormonais podem causar a retenção. É o que ocorrer no período pré-menstrual. Porém, existem diversos outros problemas que podem levar a essa retenção de líquidos e estes merecem mais atenção pois podem estar associados a alterações no estado de saúde dos indivíduos e inclui-se nesta lista à hipertensão arterial, doenças renais, uma má alimentação, sedentarismo.

O volume dos líquidos corporais é mantido pela interação precisa entre entrada e saída de água os rins, e pela perda através dos pulmões e pele. O rim é o grande controlador desse processo.

Um outro processo que é citado neste controle é a


concentração do íon sódio no sangue e sua regulação está associada à quantidade de água corporal.

Quando a concentração do sódio aumenta, dois mecanismos são ativados: secreção do Hormônio Antidiurético (ADH) e estimulação da sede, isso leva a um aumento da retenção de água e em pessoas com problemas de retenção de líquido o quadro pode ser agravado.

Na alimentação e no estilo de vida podemos fazer algumas mudanças auxiliarão para melhora do problema. Seguem algumas orientações para a retençao:

A constipação intestinal aumenta a retenção de líquidos, por isso ir ao banheiro é essencial para ajudar na melhora do problema. Uma ingestão adequada de fibras por meio dos cereais integrais, frutas, verduras, legumes, leguminosas, contribuí significativamente, para essa melhora. Não podemos esquecer que a ingestão de água junto a esses alimentos é grande aliada.
Alimentos com alto teor em sódio estimulam o processo citado acima e como conseqüência temos um agravamento do quadro de inchaço. Por isso devemos excluir de nossa lista os embutidos (presuntos, mortadela, mussarela, salame), alimentos enlatados, condimentos em excesso, todos esses alimentos enquadram-se na lista dos vilões, e possuem alto teor de Sódio. Então ler os rótulos e estar atentos às quantidades desse nutriente é essencial para o sucesso do controle.
Alguns alimentos são considerados diuréticos, são eles o abacaxi, salsão, melancia, morango, cenoura, pepino, tomate, broto de feijão, beterraba. Podem ser seus amigos na batalha contra a retenção de líquidos.
Os chás com as ervas: chapéu-decouro, rosa-mosqueta, folha de abacate, quebra-pedra e cavalinha são diuréticos porque estimulam os rins, diminuindo o inchaço e controlando a hipertensão arterial. Porém não devem ser utilizados sem a orientação de um profissional. Assim como os medicamentos.
A atividade física estimula a sudorese, e ajuda na eliminação dos líquidos em excesso deixando todo o organismo trabalhando melhor.

A Nutrício possui programas nutricionais específicos para o controle da retenção de líquido. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil). Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.

Por: Natália Lúcia da Silva - Nutricionista

Menu Principal

Menu de Serviços

Pesquisar no Site


Publicidade