Nutrição Funcional

Você sabia que o alimento que é saudável para você pode não ser para outra pessoa? Pois isto é verdade... Enquanto a nutrição convencional limita-se a prescrever alimentos saudáveis de acordo com idade, sexo, nível de atividade e objetivo da pessoa, cresce a procura pela nutrição funcional em nosso país.

Muito mais que uma moda, a Nutrição Funcional é uma linha de trabalho que cresce porque os resultados são surpreendentes no sentido de melhorar a qualidade de vida e o bem-estar de quem opta por este tipo de dieta, contribuindo para a manutenção da saúde e redução do risco de doenças.

Mas o que é Nutrição Funcional? Centrada na pessoa e não na doença, a nutrição funcional busca estabelecer uma ligação entre os diversos processos que ocorrem no corpo humano e considera cada ser como único na hora de listar os alimentos indicados ou indesejáveis. Já passou pela sua cabeça que brócolis pode não ser indicado em uma dieta? Pois é o que acontece em pessoas portadoras de hipotireoidismo que devem evitar o alimento.

Por meio de detalhados estudos das reações que ocorrem em cada processo metabólico, a nutrição funcional busca descobrir quais nutrientes e/ou substância podem ter faltado ou ficado em excesso nas diversas etapas das reações orgânicas e desencadeado a doença ou alteração na pessoa avaliada.

Tudo começa com uma avaliação criteriosa da pessoa, por meio de uma anamnese detalhada e de um rastreamento metabólico realizado pelo nutricionista. Os sinais e sintomas detectados na anamnese e na avaliação clínica são cruzados para que inadequações alimentares sejam evidenciadas. São necessárias avaliações bioquímicas, antropométricas e alimentares para que o nutricionista possa entender todo o processo e assim indicar alimentos ou suplementos capazes de corrigir a inadequação. Rinite alérgica pode ter o intestino irregular como uma das causas? Sim, pode ser. O formato das suas fezes pode indicar uma alergia alimentar? Pode sim!

Dentre as principais alterações orgânicas tratadas com sucesso pela nutrição funcional estão: sobrepeso, alergias, constipação intestinal, hipotireoidismo, depressão, fibromialgia, osteoporose.

Toda esta investigação tem o objetivo de fazer com que o organismo busque a saúde plena e assim funcione adequadamente.

A Nutrício possui programas nutricionais baseados na nutrição funcional. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil). Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.