Cuidados Nutricionais na Psoríase

A Psoríase, ou Psoriasis, é uma doença inflamatória crônica da pele, caracterizada pelo aumento na proliferação celular e padrões anormais de diferenciação dos queratinócitos (células da pele). Dentre os possíveis fatores etiológicos está uma predisposição genética, associada a fatores ambientais como fumo, álcool, alimentação, infecção, drogas e eventos estressantes.

Dietas hipocalóricas são apontadas como fator que contribui para diminuição da gravidade da doença. Porém, é importante que sejam prescritas por um profissional, para evitar carências de nutrientes. O consumo de ômega-3 tem se mostrado eficaz para o controle da psoríase, embora os estudos ainda sejam inconsistentes.

O ômega-3 é encontrado em peixes de água fria, linhaça e podem ser manipulados também. As fontes de vitamina D, dentre elas o óleo de fígado de bacalhau, leveduras, fígado, leite integral e derivados também são indicadas.

Parece haver uma relação entre o consumo de glúten e o agravamento da psoríase. Os estudos no assunto ainda são pouco conclusivos, mas observações indicam que a dieta pobre ou isenta de glúten beneficia o portador. O glúten é uma proteína encontrada em alimentos como trigo, aveia, centeio, cevada.

A Castanha do Pará, rica em selênio, não deve faltar no cardápio. Este nutriente, possui propriedades imunomodulatórias e antiproliferativas. Todo planejamento alimentar deve ser personalizado visando à maior eficácia do tratamento.

A Nutrício possui programas nutricionais específicos para o controle da psoríase. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil).

Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.


Texto: Mariana Braga Neves (nutricionista) & Paula Silva Amora (nutricionista)