Alimentação da Mãe e as Cólicas do Bebê

A seguir alguns alimentos que podem estar relacionados ao aumento das cólicas do bebê e que devem ser evitados na dieta materna desde que com orientação profissional:

  • Alimentos ricos em cafeína como café, chocolate, alguns refrigerantes, chá verde, mate, preto;
  • As frutas cítricas como a laranja, o limão, mexerica;
  • Vegetais como brócolis, repolho, couve;
  • Temperos, condimentos e especiarias como pimenta, gengibre, molhos industrializados, mostarda, alho, cebola;
  • Feijão, lentilha, grão de bico, ervilha, soja;
  • Amendoim, amêndoas, nozes, castanhas;
  • Leite e derivados (iogurtes,queijos);
  • Cereais como o milho e produtos feitos com ele: canjica, pipoca, milho cozido.

Vale lembrar que mãe que amamenta precisa ter uma alimentação rica em nutrientes. Assim, é indispensável incluir frutas, sucos, vegetais, gorduras boas, carboidratos e proteínas.

A Nutrício possui programas nutricionais específicos para a alimentação complementar do bebê. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil). Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.

Texto: Gleiciane Soares (estagiária da Nutrício) & Mariana Braga Neves (nutricionista da Nutrício)

Primeira parte da Alimentação da mãe e as cólicas em bebês »