Rede Nutrício de Atendimento de Nutricionistas
Home » Nutrição Clínica » Alimentação e o câncer

Nutrição Adequada Beneficia Tratamento do Câncer

Sabe-se que muitas vezes o câncer e seu tratamento exercem uma influência negativa no estado nutricional dos pacientes, sendo a desnutrição protéica - calórica frequentemente diagnosticada. Por isso, a nutrição é uma das áreas de extrema importância para ajudar na melhora do paciente.

Alimentar-se de forma adequada e equilibrada em todas as fases do tratamento, permite que o organismo se sinta mais fortalecido, melhora a imunidade, mantém o peso ideal, além de permitir uma maior tolerância aos tratamentos e aos possíveis efeitos colaterais. O que se pode afirmar, é que quando o paciente tem orientação nutricional ele tem menos infecções, fica menos tempo internado, tem melhor qualidade de vida, melhor disposição, menos sintomas como náuseas, vômitos, diarréia e constipações intestinais entre outros.

Não há uma recomendação geral da dieta que se deve adotar ao longo do tratamento, até pelas especificidades de cada pessoa e do tipo de doença. A recomendação é procurar um especialista para acompanhar o paciente. Desta forma, então,

justifica-se a necessidade de uma orientação nutricional que tenha como foco soluções para as dificuldades vivenciadas pelos pacientes portadores de câncer.

Caso você esteja em tratamento, ou conhece alguém que esteja atravessando essa fase e necessita de ajuda, algumas dicas e modificações na alimentação podem ajudar a enfrentar esses problemas:

Fracione as refeições e opte por pequenas porções, realizando entre 5 e 6 refeições diariamente. Evite o consumo de bebidas durante as refeições, a fim de prevenir a saciedade precoce;
Faça as refeições em companhia agradável para reforçar o estímulo. Sirva a comida em temperatura ambiente. Coma devagar e mastigue bem os alimentos. Procure não deitar após as refeições;
Faça o prato de forma bem colorida. As cores dos alimentos são indícios de suas propriedades e costumam ser sinônimo de substâncias e nutrientes diferentes;
Respeite os gostos e preferências alimentares. Coma sempre que tiver vontade. Utilize temperos e ervas para melhorar o sabor e aroma dos alimentos;
Se for difícil ingerir alimentos sólidos, tente alimentos líquidos: vitaminas batidas com leite ou sucos, combinadas com frutas ou iogurte;
Estimule o consumo de balas de hortelã, para evitar a xerostomia (boca seca) e hidrate-se! Tenha sempre água em locais de fácil acesso;
Evite alimentos irritantes: ácidos, duros, picantes ou secos; Evite bebidas alcoólicas, cafeína e tabaco, alimentos gordurosos, condimentados ou doces em excesso;
No caso de náuseas e vômitos, evite comer 1 a 2 horas antes da radioterapia ou quimioterapia.

A Nutrício possui programas nutricionais específicos para a prevenção e o controle do câncer. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil). Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.

Texto: Gerusa Carvalho - Nutricionista em Belo Horizonte, MG com atendimento em nutrição oncológica.

Acesse no link a seguir para ler uma entrevista sobre Alimentação e o Câncer »